Como criar um plano de e-mail marketing?

E-mail é uma ótima escolha para os profissionais do marketing. Uma pesquisa mostra que para cada $1 que uma empresa investe em email marketing, eles vão ter um retorno de $21. Email também é a ferramenta de comunicação escolhida pela nossa geração ultra conectada. Mais de 3.5 bilhões de pessoas em todo o mundo tem uma conta de email (comparado a 1.3 bilhões de usuários do Facebook). Então, se você tem uma mensagem ou produto para compartilhar, email é o melhor caminho para isso.

Se você já tem uma lista de email, você pode simplesmente começar a enviar email marketing e ver o que vai acontecer. Mas vamos assumir que você tem uma lista. E é pouco provável que seja bem-sucedido.

Comece uma lista de e-mail marketing

Se você não tem uma lista de e-mails e quer começar uma, esse post é pra você!

Para melhorar suas chances de sucesso, é uma boa ideia desenvolver um plano de email marketing. Com o plano em prática, você vai saber para quem você está enviando e-mails, e o que você deve incluir em seus e-mails para atingir seus objetivos em marketing. Você também terá uma estratégia para o crescimento de sua lista.

Para implementar o seu plano de email marketing, você vai precisar utilizar um software de faça disparos de email marketing. Por quê? Em primeiro lugar, porque usar softwares não infrigem as leis anti-spam. Em segundo lugar, porque faz a gestão do processo de envio de e-mails para uma grande lista muito mais fácil.

Pronto para criar seu plano de email marketing? Então vamos até a ele…

Passo 1: Conhecer Seu Propósito em Email Marketing

Antes de começar a crescer a sua lista de e-mails e enviar e-mails, você precisa saber por que você está começando a usar e-mails para o marketing. O seu porquê vai determinar quem você impacta com seus e-mails e os tipos de e-mails que você envia.

shutterstock_413931580

O propósito é a base fundamental para iniciar um plano com e-mail marketing: Seja claro e desenvolva uma estratégia eficaz.

A maneira mais fácil para compreender é através de exemplos. Aqui estão algumas formas de fazer e-mail marketing para várias empresas e organizações:

– O objetivo de uma empresa de mídia é gerar visualizações para o seu conteúdo.

– Um varejista de desconto faz dinheiro com várias vendas. A meta para sua lista de e-mail é impulsionar mais vendas.

– Uma pequena empresa local quer desenvolver uma relação de confiança com potenciais clientes. Eles querem ficar como as principais escolhas para serem potenciais clientes, por isso eles são a primeira escolha quando um cliente precisa de um serviço.

– A loja tem o objetivo de fazer os clientes se sentirem especiais, como se fizessem parte de algo único.

– Um blogueiro ou escritor poderia usar e-mail para construir uma comunidade fiel de leitores.

Seja claro sobre o porquê você quer começar e-mail marketing. Só conhecendo o seu porque você pode desenvolver uma estratégia eficaz.

Passo 2: Decidir Para Quem Você Quer Escrever

O próximo passo é decidir para que tipo de pessoa é o e-mail. “Todo mundo” não é uma boa resposta aqui. Quanto mais firmemente você focar seus e-mails em um leitor específico, melhor você vai aproximar a comunicação com eles.

Mais uma vez, vamos olhar alguns exemplos para ajudar você.

– As empresas de mídia conhecem seus leitores ideais na faixa de 18-35 anos, homem, com uma educação universitária.

– A audiência dos entregadores de descontos são mães ocupadas que querem fazer uma grana sempre que possível.

– A pequena empresa (vamos dizer que seja uma empresa de jardinagem) tem como alvo os proprietários da parte mais afluente da cidade.

– O varejista de luxo que vende os relógios mais renomados e elegantes. A sua audiência são homens de estilo consciente com grandes rendimentos.

– Um escritor de blog que vive economicamente. Ele vai direcionar seus e-mails para pessoas que vivem com o orçamento apertado.

– Uma organização sem fins lucrativos pesquisa a cura para o câncer. Então seus e-mails serão oferecidos a pessoas que sobreviveram a um câncer e também para seus familiares e amigos.

shutterstock_432098725

Para quem escrever?!? Antes de mais nada, entenda as pessoas para as quais você escreve e veja como você vai conseguir escrever e-mails melhores.

Quanto mais você entender as pessoas para as quais você escreve, melhor você vai conseguir escrever e-mails. E-mail é sobre a construção de um relacionamento com seus leitores e isso só é possível quando você estão na mesma página, na mesma sintonia.

Outra maneira de ficar sabendo o que os seus leitores querem é perguntar a eles o que querem. Uma vez que você construiu sua lista, envie um e-mail perguntando aos seus leitores como você pode ajudar ele da melhor maneira. Isso vai te dar várias ideias na hora de criar os conteúdos de seus e-mails.

Passo 3: Cresça sua Lista

Agora que você já sabe quem você quer em sua lista, você está pronto para iniciar o crescimento dela.

Qual é a melhor maneira de crescer uma lista de e-mail? Oferecer um incentivo para as pessoas se inscreverem.

Isso pode ser tão simples como contar as pessoas o que elas vão ganhar se elas assinarem a sua lista. Por exemplo, a pesquisa sem fins lucrativos contra o câncer pode ter uma página de inscrição em seu site dizendo, “Cadastre-se em nossa lista para receber histórias inspiradoras de pessoas que vivem e vão além do câncer”. Quanto mais específico você conseguir ser a respeito do que as pessoas vão receber quando eles assinam a sua lista, mais inscritos você vai ter.

shutterstock_369055319

Crescer sua lista de e-mail é simplesmente oferecer um incentivo através de conteúdos que despertem interesse.

Alternativamente, você pode oferecer um incentivo específico para quem assinar sua lista. Aqui vai alguns exemplos:

– Uma empresa de mídia pode oferecer 30 dias de acesso gratuito para conteúdos exclusivos.

– O blogueiro pode oferecer um e-book gratuito ou um curso online para novos assinantes.

– Um entregador de descontos pode oferecer cupons com 10% a mais de desconto.

Qualquer que seja o incentivo que você ofereça deve ser dirigido ao seu leitor ideal. Deve ser algo útil e relevante para eles, algo que faça eles falarem “wow”! As pessoas valorizam a privacidade de sua caixa de entrada de e-mail. Eles só vão te dar o seu e-mail se sua oferta for irresistível.

Passo 4: Desenvolva uma Estratégia de Conteúdo

Você está construindo uma lista de inscritos. O próximo passo é escrever para esses inscritos. Então, sobre o que você vai escrever em seus e-mails?

Com o incentivo da inscrição que você criou na etapa anterior, todos os seus e-mails deverão ser relevantes e valiosos para os seus leitores. A única maneira de você transformar seus inscritos em leitores leais que abrem seus e-mails.

shutterstock_382774132

Para medir o alcance do seu Marketing você DEVE sem sombra de dúvida desenvolver uma estratégia de conteúdo e sempre incentivar seus leitores a se inscreverem em sua lista.

O avatar ideal que você desenvolveu anteriormente vai te dar ideias de tipos de conteúdo que o seus inscritos gostariam de ver.

Se você está travado para novas ideias, conduza uma análise competitiva. Em outras palavras, assine a lista de seus competidores e veja que tipos de e-mails eles enviam. Que tipo de conteúdo eles incluem em seus e-mails? Sobre o que eles escrevem? Você vai pegar ideias para o que funciona e para o que não funciona.

Passo 5: Programe uma Agenda de Disparos

Agora que você já decidiu que tipos de e-mails você vai enviar, chegou a hora de fixar a agenda dos disparos desses e-mails. Quantas vezes você vai enviar e-mails?

shutterstock_263491535

Programe uma agenda de disparos de e-mail marketing: escolha entre e-mails diários, semanais ou mensais!

A resposta depende do tempo e recursos que você tem disponível para criar e-mails, e o objetivo que você traçou para seus e-mails. Qualquer que seja a agenda que configurou, se deve envolver enviar e-mails com bases sólidas. Isso pode ser diário, semanal ou mensal:

– E-mails diários cria um laço extremamente forte com seus leitores. Escrevendo para seus inscritos todos os dias pode funcionar bem se você é um pequeno empresário ou um blogueiro, e que deseja construir uma tribo de leitores regulares. A desvantagem é que muitos assinantes vão se sentir sobrecarregados pelo seu conteúdo frequente e vão dar unsub (descadastro).

– E-mails semanais são regulares o bastante para os clientes não ficarem surpresos ao ouvir de você, ainda que pouco frequente o suficiente para que ele não se sinta oprimido pelos seus e-mails. Se você tem os recursos para produzir e-mails semanalmente, é uma boa linha a se seguir.

– E-mails mensais é uma escolha sólida se você planeja fazer seus e-mails extremamente valiosos, por exemplo, se em cada e-mail vier junto com um desconto promocional. Como você estará escrevendo e-mails com menor frequência, isso vai ocupar um menor investimento de tempo do que escrever e-mails diariamente ou semanalmente. O principal problema com esses e-mails mensais é que eles são facilmente perdidos nas caixas de entrada de seus leitores. É menos provável que você seja notado.

Passo 6: Escreva E-mails Excelentes

Você já decidiu sobre quantas vezes você vai enviar seus e-mails. E você também já decidiu sobre o que vai ser falado em seus e-mails. Então agora você está pronto para escrevê-los.

Não se deixe intimidar por isso! E-mails não precisam ser um trabalho de literatura. Na verdade, e-mails funcionam melhor escrito de forma simples…

A parte mais importante do seu e-mail é a aquela parte que você deve passar a maior parte do tempo escrevendo que é a sua linha de assunto. Um título que chame a atenção vai atrair seus leads a abrir o seu e-mail. Um título meio ruim irá garantir que seus e-mails sejam ignorados.

shutterstock_407032294

Para que um e-mail seja excelente, ele deve começar com um título que chame a atenção, e depois do e-mail ser aberto pelo seu leitor, usar a criatividade e “humanizar” seus e-mails é uma ótima linha a se seguir!

A chave para escrever e-mails bons é escrever como se você estivesse se dirigindo a uma pessoa. Não comece o seu e-mail com “Olá a todos”, e evitar abordar seus leads como “vocês”. Isso faz com que seus leitores se sintam como mais um de muitos leitores. Você tem que querer que seus leitores se sintam como se você estivesse escrevendo apenas para eles.

O leitor ideal criado anteriormente vai te ajudar a ter uma pessoa em mente para ir escrevendo seus e-mails e isso também vai te ajudar a configurar corretamente o tom certo para seus e-mails.

Depois que você escrever seu e-mail, dê uma lida nele para ver se não há nenhum erro de grafia.

Passo 7: Envie seu E-mail

Você escreveu seu e-mail e checou se tudo foi colocado corretamente e ajeitou a gramática. Não se segure por mais tempo.

Você está pronto para enviar seu E-mail.

shutterstock_348908804

Envie seus e-mails e sempre busque coletar feedback para melhorar sua comunicação com seus leads.

Seu e-mail não precisa estar brilhante. Você deve enviar seu e-mail enquanto você sabe que é bom o suficiente. Dê todo o trabalho de preparação e esteja pronto para decidir o por que você está enviando e-mails e também o motivo de criar um leitor ideal, pois para isso seu e-mail tem quer ser bom.

Qualquer coisa que fizer, não se contenha de enviar seu e-mail por ele não estar “perfeito”. Nenhum e-mail é perfeito. Somente através do envio de e-mails dá para ver como eles se comportam e é uma forma de obter feedbacks primordiais para você melhorar seus e-mails.

É muito melhor começar com algo, ver como funciona, então ajustar o que deve ser ajustado ao invés de esperar a ideia perfeita.

Passo 8: Veja o que Funciona e Faça Mais Disso

Como eu mencionei anteriormente, se você está enviando e-mail marketing, então você DEVE usar um software de e-mail marketing. Fazendo isso, você estará no lado certo da lei.

De forma mais significativa, de uma perspectiva de marketing, usar software de e-mail marketing permite que você rastreie os e-mails que você envia. Você vai ver quantas aberturas cada e-mail tem e quantos clicks os links dos e-mails recebem. Use essa informação para melhorar seus e-mails.

E sabe qual plataforma pode te auxiliar? O leadlovers, uma plataforma completa e perfeita para automação de marketing e envio de e-mail marketing.

Como você envia e-mail atrás de e-mail, com o tempo você vai pegar o senso do que funciona e do que pode ser melhorado. Quando você encontrar o que funciona, faça mais do mesmo!

Se você gostou desse post, deixa aí o seu comentário :)

Valeu!
Felipe Mandeli

Fonte: http://business.tutsplus.com

admin
author

Show Buttons
Hide Buttons